Educação Muda O Mundo

Conheça a Nossa Escola

Projeto Universo

Depois de falar um pouco sobre a vida e obra de um dos gênios da pintura – Van Gogh, os alunos foram conduzidos a fazer uma apreciação de um dos quadros deste pintor: Noite Estralada sobre o Ródano.

“Meninos, agora vamos fechar os olhos. Cada um feche seus olhos com a ponta dos dedos – de leve para não machucar – e escutem o que Van Gogh escreveu para seu irmão em junho de 1888 na cidade de Arles. Imaginem que vocês estão vendo essas palavras que vou ler para vocês:

No azul profundo as estrelas eram cintilantemente esverdeadas, amarelas, brancas, cor-de-rosa, de um brilhante mais vítreo do que em casa – mesmo em Paris: chame-se-lhes opalas, esmeraldas, lápis lazuli, rubis, safiras. Certas estrelas são amarelo-limão, outras têm um rubor rosa, ou um verde ou azul ou um brilho que não se esquece. E, sem querer alargar-me neste assunto, torna-se suficientemente claro que colocar pequenos pontos brancos numa superfície azul-preta não basta.’

Agora, suavemente, abram os olhos e olhem para o quadro.”

Imagem incorporada

Os alunos ficaram em silêncio durante todo o tempo de escuta e apreciação, a seguir foram orientados a escreverem o que eles viram, sentiram e perceberam da tela. Abaixo, estão alguns dos relatos escritos:

“Acho que o quadro demonstra muita energia e, ao mesmo tempo, solidão. As estrelas são bem brilhantes no céu e o vento parece estar bem forte. Acho que parece um pouco de solidão porque o quadro está escuro; mas, ao mesmo tempo, dá impressão de alegria, pois também é iluminado. O quadro retrata uma noite escura, porém com muitas estrelas brilhantes.” (Luiza)

“O que eu achei do quadro ‘Noite Estrelada sobre o Ródano’, de Van Gogh, é que ele é muito bonito e com certeza bem detalhado: tem pontos de luzes de casas, as ondas nas bordas do lado, barquinhos no escuro que quase não dá pra ver e, principalmente, as estrelas no belo céu azul.” (Maria Júlia)

“É um quadro muito bonito porque o reflexo da água é muito chamativo e retrata tão bem a superfície. É como um quadro mais do que detalhado, que, com um assopro pode ser desmanchado, mas com o tempo, “pintado” novamente. (Gabriel)


O Projeto Universo acontecerá dia 11 de maio de 2018 no Auditório da Nossa Escola, Unidade II.

Leia também

Nossos Vídeos

ver mais vídeos

Nossos destaques

onde estamos

tour virtual